O dente de ouro é um símbolo de ostentação e estilo utilizado por muitos grupos, moda que começou lá atrás e ainda persiste. Muito utilizada na ortodontia moderna, essa estética “de luxo” tem origens que muitas vezes não levamos em conta.

Você sabia que o povo cigano foi um dos pioneiros desse costume? É sobre isso que falaremos hoje! Então, se você quer conhecer um pouco sobre essa cultura e o que levou ao surgimento do dente de ouro, continue com a gente!

O estilo de vida nômade dos ciganos

O povo cigano tem origem egípcia e indiana, e espalhou-se por todos os cantos do mundo desde o seu surgimento. É preciso ressaltar que essa população está dividida em diversos grupos, ou clãs, como definimos mais comumente. Assim, suas tradições variam e o papel de cada pessoa dentro das famílias ciganas também.

Na maioria dos clãs, os membros são nômades. Ou seja, não possuem residência fixa e tendem a se mudar constantemente. Assim, seu estilo de vida precisa ser adaptado nesse sentido, buscando sempre carregar consigo as coisas mais importantes e valiosas.

Esse é um dos motivos para a tão conhecida tradição dos dentes de ouro.

O dente de ouro: a tradição que atravessa séculos

Formando povos nômades que precisam se deslocar constantemente, os ciganos sempre precisaram carregar suas riquezas por onde fossem. Pensando nisso, surgiu a tradição dos dentes de ouro. Além de possibilitar o transporte fácil desses bens preciosos, o costume se tornou símbolo de poder e riqueza, assim como as roupas ostensivas típicas dos ciganos.

Além de todos os significados atribuídos, o ouro é uma moeda mundial, aceita em todos os cantos do mundo. Assim, a tradição funciona como um facilitador para realizar transações financeiras em qualquer lugar. Em muitas tradições, entre os 14 e 15 anos de idade o dente de ouro já é colocado para demarcar o casamento, significando os dotes.

Dessa forma, existem muitos motivos para que o dente de ouro seja peça fundamental na tradição do povo cigano. A estética e o status são apenas algumas das razões, mas mais do que isso, a praticidade é uma das fundamentais. Ah, vale lembrar que um dos benefícios é a proteção dos dentes naturais, que recebem tratamentos ortodônticos apenas de vez em quando. Assim, o hábito também auxilia na saúde da população cigana, que muitas vezes busca soluções alternativas para tal.

A importância da tradição para a população cigana

Com isso, podemos concluir que os dentes de ouro fazem parte do cotidiano da tradição cigana. Atravessando séculos de costumes e hábitos, o ouro persiste como um metal precioso para essa população. Não apenas para os ciganos, mas para toda a economia mundial que depende do ouro para sobreviver!

Em nosso outro post sobre as 10 curiosidades do mercado do ouro, falamos mais sobre esse valor. Confira para conhecer mais sobre esse bem, tão precioso em todas as culturas, religiões e nacionalidades!

Até a próxima e continue acompanhando o blog da Compro Ouro BH para mais novidades.